Aruanãs

Os aruanãs pertencem a família Osteoglossidae e gênero Oteoglossum com duas espécies

Osteoglussum bicirrhosum e O. ferreirai, ambos ocorrem naturalmente na Amazônia.

Osteoglossum Bicirrhosum

Aruanã Branco

É o mais comum, e apresenta ampla distribuição geográfica, ocorrendo em toda bacia hidrográfica da Amazônica. O aruanã se destaca por apresentar uma coloração marrom, podendo ser dourado intensa e vibrante, que predomina em todo o corpo, inclusive as nadadeiras. As escamas são grandes recebem um leve sinal roseado principalmente nos indivíduos adultos.

O corpo é ligeiramente comprimido lateralmente com proporções regulares de comprimento e largura. Apresenta dois pares de nadadeiras peitorais e pélvicas, sendo que as nadadeiras pélvicas, são ligeiramente menores que as peitorais. A nadadeira anal apresenta um prolongamento e estende-se no sentido da nadadeira caudal.

Apresenta cabeça curta com olhos grandes e bem desenvolvidos. Boca grande e ligeiramente voltada para cima, constituída por membranas cartilaginosas finas. Apresenta dentes pontiagudos diminutos e levemente espaçados.

Espécie carnívora com severa inclinação para insetívoro os itens que apresentam maior frequência alimentar, são pequenos peixes e insetos terrestriais.

Galeria de peixes

Destinos com Aruanãs